quarta-feira, outubro 25, 2006

Se não existisse direitos, leis, tribunais, justiça, policia...Como seria?

A questão de a sociedade ser regida por leis tem origem na época dos gregos, porém houve alturas em que a sociedade não tinha regras, isto é, leis com que se regesse que hierarquizassem o poder e que a organizassem, desta forma surge o livre arbítrio, ou seja, os homens têm o poder de escolher livremente as suas acções sem que para tal fossem punidos/sancionados. É de salientar que o livre arbítrio em tempo de anarquia não tinha limites, e actualmente embora haja livre arbítrio há limites, pois vivemos num regime democrático com leis, direitos...
Hoje em dia, o livre arbítrio é limitado porque os homens têm uma liberdade relativa, pois esta, tem que estar em conformidade com as leis, estas não são estáticas, sofrem mutações e adaptam-se ao longo do tempo consoante as mudanças da sociedade e das suas exigências.
Em suma, uma sociedade em que não existissem tribunais, policia, leis, direito...Seria uma anarquia total, ou seja, cada indivíduo fazia as suas próprias regras e não admitia ser regido por um pode soberano, logo existiam muitas injustiças entre os indivíduos, pois vingava sempre a lei do mais forte, existiriam muitos conflitos de vária ordem levando a várias guerras podendo chamar mesmo de batalhas.






Trabalho realizado por:
Andreia Pombinho nº3028 Patrícia Andrade nº301

Sem comentários: